Home > violência

Violência contra jornalistas diminui, mas tentativas de censura preocupam

Relatório da Federação Nacional dos Jornalistas (Fenaj) revelou que, no ano passado, foram registrados 181 casos de violência contra profissionais de imprensa, o que representa uma queda de 51,86% em comparação aos 376 de 2022. No entanto, os dados ainda mostram que a realidade cotidiana do trabalho dos jornalistas no

Continue lendo »

Mesmo após 20 anos do Estatuto do Idoso, população ainda sofre com a negligência

Nos primeiros cinco meses de 2023, o Disque 100, do Ministério dos Direitos Humanos e Cidadania (MDHC), recebeu mais de 47 mil denúncias de violência cometida contra pessoas idosas, que apontam para cerca de 282 mil violações de direitos, como violência física, psicológica, negligência e exploração financeira ou material. Cada

Continue lendo »

Minas Gerais registrou 171 casos de feminicídio em 2022

Dados divulgados pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública apontaram que Minas Gerais é o segundo estado brasileiro que mais registrou feminicídios no país. Em 2022, foram 171 mortes, o que representa um aumento de 9,9% em relação a 2021, quando foram 155 registrados. Para discutir o tema e as possíveis

Continue lendo »

Mais de 18 milhões de mulheres sofreram violência em 2022

Conforme a quarta edição da pesquisa Visível e Invisível: a Vitimização de Mulheres no Brasil, realizada pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública e o Instituto Datafolha, em 2022, 28,9% das mulheres (18,6 milhões) relataram ter sido vítima de algum tipo de violência, a maior prevalência já verificada na série histórica.

Continue lendo »

Violência física contra jornalistas cresceu 88%, segundo a Fenaj

De acordo com relatório elaborado pela Federação Nacional dos Jornalistas (Fenaj), em 2022, os jornalistas ainda sofrem com a violência dirigida à categoria, em razão do exercício profissional. As ameaças/hostilizações/intimidações cresceram 133,33%, saltando de 33 para 77 ocorrências. As agressões físicas passaram de 26 para 49, 88,46% a mais do

Continue lendo »