Home > Vigílias > Vigílias

Vigílias

Pimentel na Câmara dos Deputados?
Entre os petistas mineiros, começa a ser debatida a possibilidade de o ex-governador, Fernando Pimentel, ser candidato a deputado federal. Apesar de ele ter sido condenado pela Justiça Eleitoral a 10 anos e 6 meses de prisão por tráfico de influência e lavagem de dinheiro, os advogados especializados dizem que isso não o impede de concorrer ao pleito. É aguardar para conferir…

Sucessão em Juiz de Fora
No ano passado, circulou a informação indicando que o deputado federal Júlio Delgado (PSB) estava transferindo o seu título de eleitor para Belo Horizonte. Caso isso tenha se concretizado, a mudança não faz sentido, pois ele aparece na lista de pré-candidatos à Prefeitura de Juiz de Fora. Complicado…

Liderança sem prestígio
Na administração do ex-presidente Michel Temer, o deputado federal mineiro Fábio Ramalho (MDB), popularmente conhecido Fabinho Liderança, ocupava o posto de primeiro vice-presidente da Câmara Federal. Naquele período, ele era procurado por políticos e empresários do Brasil inteiro. Hoje, o parlamentar circula nos eventos de Belo Horizonte sem ser demandado por ninguém. Seu prestígio foi reduzido de maneira espetacular. Coitado.

Política em Contagem
Amigos do presidente do MDB mineiro, deputado federal Newton Cardoso Jr, juram que o parlamentar não será candidato a prefeito de Contagem. Mas, ele pretende coordenar a campanha de algum nome de seu partido e de outras lideranças do município.

Desespero em Brumadinho
As empresas terceirizadas, que foram encarregadas de construir um canal por onde vai passar a água do Rio Paraopeba para abastecer o reservatório da Copasa, não estão fazendo o seu papel direito. A obra, financiada pela Vale e administrada pela estatal, tem trazido muitos problemas, principalmente com os proprietários das terras por onde o cano irá passar. Se os ânimos não se acalmarem, com certeza haverá processos contra essas companhias.

Carnaval x Kalil
Como previsto, as notícias negativas sobre desabamentos em Belo Horizonte foram sufocadas pelas matérias positivas do Carnaval de 2020. Ou seja, nesse episódio, o prefeito Alexandre Kalil (PSD) se saiu bem. Ora veja.

Sucessão em Ouro Preto
De família abastada de Minas, o ex-prefeito e ex-secretário de Estado, Osvaldo Araújo, ainda não se manifestou sobre  a sucessão em Ouro Preto. Apesar disso, a tendência é que ele aceite o desafio de ser postulante ao posto de prefeito. Como ponto positivo em sua bagagem, uma informação a ser confirmada em outubro deste ano: Osvaldo nunca teria perdido uma batalha eleitoral naquela cidade histórica. A conferir.

Sucessão em Sabará
Ao longo dos anos, o médico Diógenes Fantini foi adversário do grupo de Wander Borges (PSB). Porém, como atualmente Fantini está fora do jogo e, a reeleição de Borges só depende dele mesmo.

Deputado irritado
O deputado Guilherme da Cunha (Novo) está irritado, pois, segundo ele, o estatuto do partido não está sendo cumprido pelos seus filiados, inclusive pelo governador do estado. De acordo com pessoas próximas, o parlamentar estaria pensando em abandonar a vida pública.

Publicidade oficial
Depois de muita polêmica sobre a publicidade institucional da Câmara dos Vereadores de Belo Horizonte, somente agora, 3 anos após o acontecido, um grupo de vereadores está debatendo uma nova legislação sobre o tema. Mas, se depender da presidente da Casa Nely Aquino (PRTB), o assunto será debatido apenas na próxima legislatura. Ufa.

Sucessão em MOC
Apesar da imprensa local afirmar que o deputado federal Marcelo de Freitas (PSL) irá disputar a Prefeitura de Montes Claros, pessoas próximas ao parlamentar desmentem a informação. Mesmo porque, ele mantém uma boa relação com o atual prefeito Humberto Souto (Cidadania).

Sucessão em Ipatinga
Em Belo Horizonte, o ex-deputado Leonardo Quintão deixou escapar que o seu pai, Sebastião Quintão, está com tudo pronto para disputar a Prefeitura de Ipatinga. Vai ser um duelo de gigantes, podem apostar.

Sucessão em Vespasiano
Apesar da sua vida particular estar resolvida, o ex-prefeito e ex-secretário de Estado, Carlos Murta, não confirma a sua participação na disputa da Prefeitura de Vespasiano. Porém, quando tem oportunidade de falar sobre o assunto, afirma que, se for para o embate, vai jogar pesado. Se cuide, prefeita Ilce Rocha (PSDB).

Nat Macedo
Belo-horizontina, 25 anos. Graduada em jornalismo pelo Centro Universitário Estácio de Sá, fez cursos de Consultoria de Imagem e Design de Moda. Há 5 anos criou um blog voltado para o público feminino. Interessada em assuntos relacionados à minoria, gosta de dar visibilidade as pequenas causas voltadas a inclusão e empoderamento destes nichos.