Home > Bruno Falci > Otimismo para as vendas no Dia das Mães

Otimismo para as vendas no Dia das Mães

Crédito: Reprodução

O Dia das Mães está entre as datas comemorativas que mais movimentam o comércio, sendo a segunda melhor em vendas, atrás apenas do Natal. E a expectativa para a data deste ano é positiva. Segundo levantamento realizado pela Câmara de Dirigentes Lojistas de Belo Horizonte (CDL/BH), a estimativa é que R$ 2,16 bilhões sejam injetados no comércio em maio com as vendas dos presentes do Dia das Mães. A expectativa é de crescimento de 2,76% nas vendas em relação ao mesmo período do ano passado. Esse é o maior percentual de aumento desde 2013. Em 2017, o varejo já dava sinais de recuperação e teve alta de 1,25%. Em 2015 e 2016, o percentual registrou queda de 0,95% e de 1,97%, respectivamente.

O avanço da expectativa de vendas para a data é reflexo da melhora do cenário econômico do país, que vem favorecendo as vendas. A inflação baixa; o expressivo recuo das taxas de juros, que está em seu menor nível; a redução do desemprego e, consequentemente, o aumento da renda, aliados a queda da inadimplência criaram um ambiente favorável para que as pessoas voltassem a consumir. Isso já está sendo sentido nas vendas do comércio da capital. Em fevereiro, o varejo de Belo Horizonte registrou crescimento de 3,68%, em comparação com o mesmo mês de 2017, de acordo com o Termômetro de Vendas da CDL/BH. O processo de recuperação, mesmo que em ritmo moderado, do emprego e da renda tende a elevar as vendas do varejo nas datas comemorativas nesse ano, e isso já será sentido no Dia das Mães.

Os empresários da capital mineira estão otimistas com as vendas para a data. Os lojistas com as maiores expectativas estão concentrados nas regionais Pampulha, Noroeste, Venda Nova e Centro-Sul. A maior parte dos empresários (56,7%), de acordo com a pesquisa da CDL/BH, aumentou o volume de estoque para atender à demanda. Esse percentual é maior do que o observado no Dia das Mães de 2017, quando 42,7% elevaram o volume de encomendas.

Para incrementar as vendas, os lojistas podem apostar na comercialização de kits, estratégia que atrai a atenção dos consumidores pelo custo/benefício, além de auxiliar os homens na escolha dos presentes. Investir na decoração da loja é outro grande trunfo. A recomendação é abusar da criatividade, utilizando símbolos que remetem ao mundo feminino.

Como acontece todos os anos, os consumidores tendem a deixar as compras para a última hora. A maioria só vai às lojas nos primeiros dias do mês de maio, já que o Dia das Mães é comemorado no segundo domingo do mês. Vale a dica para preparar os vendedores para atendimentos de última hora. E arregaçar as mangas para realizar boas vendas com boas comemorações para todos: clientes e empresários.