Home > Política > Contagem recebe R$ 305 mi para construção da Avenida Maracanã

Contagem recebe R$ 305 mi para construção da Avenida Maracanã

A Avenida Maracanã é um sonho antigo da população de Contagem. A obra começa a ganhar forma com o anúncio de um investimento de R$ 305 milhões provenientes do governo federal. Durante o evento, o prefeito Alex de Freitas (PSDB) recebeu nomes influentes, dentre eles o ministro das Cidades, Alexandre Baldy, e o senador Aécio Neves (PSDB).

O projeto aponta que a avenida seguirá da Rua Albert Schwaitzer até a rodovia LMG-808. Com a conclusão da obra, estima-se que o tráfego entre os bairros Nova Contagem e Eldorado será reduzido em 30 minutos. “Essa avenida, além de desenvolver uma região que, hoje, causa transtornos como alagamentos e mau cheiro, muda à cara da cidade e todo o plano de mobilidade”, afirma o prefeito.

Alex acrescenta que a população verá a obra ganhar formato em março de 2019. “Liberada a documentação pela Caixa, a gente deve concluir as licitações. A previsão desse processo é para setembro/outubro. Após isso, daremos início à ordem de serviço e considerando o período chuvoso, no final do primeiro trimestre a população vai poder constatar o projeto”.

Aécio afirmou que a parceria com Contagem por meio de Alex agrada muito. “Felizmente isso se consagra com a assinatura da ordem de serviço dessa obra. Além de melhorar a mobilidade, ela permitirá o escoamento da produção que vai passar pela região de forma mais rápida e segura”.

Baldy frisa a importância da estruturação para as famílias do município. “O trabalhador vai ganhar uma hora a mais. Além disso, a expectativa é avançar o saneamento para drenagem e recuperação de toda a infraestrutura necessária a fim de evitar alagamentos e, posteriormente, a mobilidade urbana. O projeto trará mais qualidade de vida”.

Metrô recebe atenção
O ministro elucidou ainda sobre a criação de um grupo executivo para analisar a mobilidade da Avenida Maracanã e uma possível extensão de 1,6 km do metrô. “Para o governo federal isso é muito bom, pois vai agregar mais trabalhadores em toda linha já existente da CBTU. Esse grupo irá avaliar os projetos para tornar essa obra real”.

Baldy afirmou que o governo vem recuperando e ajustando as contas públicas. “Quando nós assumimos, o orçamento de mobilidade era de 70 vezes a capacidade de investimento anual para todo o país. Era impossível e impraticável a celebração de investimentos. E, mesmo com pouco tempo, esses ajustes vêm sendo feitos e a recuperação econômica contribuiu para isso”.

Segundo o ministro, o governo possui recursos para a mobilidade urbana. “Reitero o empenho de Alex de Freitas e desse grupo executivo que formamos para apresentar os projetos que são necessários. Com isso, o Ministério das Cidades e a Caixa Econômica Federal podem aprovar o início das obras”.

Nat Macedo
Belo-horizontina, 22 anos. Graduanda em jornalismo pelo Centro Universitário Estácio de Sá, fez cursos de Consultoria de Imagem e Design de Moda. Há 3 anos criou um blog voltado para o público feminino. Interessada em assuntos relacionados à minoria, gosta de dar visibilidade as pequenas causas voltadas a inclusão e empoderamento destes nichos.