Home > Colunas > QUEM SABE, SABE

QUEM SABE, SABE

VERDE AVANÇA SOBRE O GELO NA ANTÁRTICA

Um  estudo publicado semana passada no periódico científico  “Current Biology”, pesquisadores liderados por Matthew Amesbury, da Universidade de Exeter, no Reino Unido, verificaram uma expansão de verde na área ocupada e um aumento na atividade biológica de bancos de musgo em três ilhas na costa Oeste da Península Antártica desde os anos 1950. A época coincide com a aceleração do aquecimento global, o que faz os cientistas acreditarem que o fenômeno está diretamente relacionado às mudanças climáticas. Isto nos dá uma ideia muito mais clara da escala em que essas mudanças estão acontecendo – conta Amesbury. – Antes só tínhamos identificado tal resposta em uma única localidade no extremo Sul da península Antártica, mas, agora, sabemos que os campos de musgo estão respondendo às mudanças climáticas recentes por toda Península.

O QUE DIZEM OS ASTROS

A astróloga Leiloca Neves, fez o mapa astral de Aécio, Renan, Moreira Franco, Eliseu Padilha, Rodrigo Maia, Dilma e Temer. Ela diz que essa próxima semana será difícil para eles. A explicação: “Marte, que se encontra no signo de Gêmeos, aumenta a lenha dessa fogueira até o final de maio (e, também, de setembro a outubro), não está harmonizando as datas de nascimento deles”.

EQUILÍBRIO IDEOLÓGICO

Ainda sobre o artigo do cineasta José Padilha, publicado no Globo, antes deste rolo de Aécio, especulando sobre “equilíbrio ideológico” no âmbito da Lava Jato (“O Lula vai para a cadeia? Então o Aécio tem que ir também”). O ator Paulo Betti diz que essa colocação contém uma injustiça:  Pegar o Aécio para depois pegar o Lula? Quem disse que Aécio vale o mesmo que Lula? Para que haja justiça e reciprocidade o correto seria pegar FHC, certo? É. Pode ser. Caderno Ancelmo Gois – Jornal O Globo

 ÔÔÔÔ! ÔÔÔÔ! ROCK IN RIO

Os vips serão mais vips do que nunca no Rock in Rio deste ano. A área dedicada aos famosos e convidados será 20% maior do que nas outras edições e ficará mais perto do Palco Mundo. A distância, que antes era de 150 metros, passará para 90 metros.

CANAL ABERTO

Tomara que seja assim. De Alberto Bello, diretor do Grupo Expansión, ao Banco Mundial, em Oaxaca, no México: “Eu tenho inveja dos brasileiros. Gostaria que o México tivesse as instituições que o Brasil tem. Que a impunidade se tornasse algo do passado, como está acontecendo no Brasil”.

‘Quero ficar no meu canto’. O presidente da Petrobrás Pedro Parente estava, em Nova York, reunindo com investidores, quando um deles se reportou à delação da JBS e uma eventual saída de Temer com uma pergunta: O senhor aceitaria assumir tarefas maiores em meio a essa crise? Parente respondeu: O meu único projeto é a Petrobrás.

Leitura na cadeia. O colega e escritor cabra da peste Xico Sá vai, quarta-feira, conversar com presos LGBT, de BH. É parte do projeto “Rodas de Leitura nos Presídios”, do Serviço Voluntário de Assistência Social de Minas e da turma do Sempre um Papo. O detento que participa do projeto tem a pena reduzida.

Chão galego. A biblioteca que pertenceu ao escritor potiguar Renard Perez (1928-2015), filho de um imigrante galego, acaba de ser adquirida pelo sebo Beta de Aquarius, no Catete, no Rio. São centenas de livros de escritores brasileiros publicados entre os anos 1950 e 1980. Muitos autografados.

Rachadura pode criar iceberg 300 mil vezes maior que o do Titanic. Uma rachadura que poderia criar um iceberg do tamanho da cidade de Brasília e desestabilizar uma das maiores plataformas de gelo da Antártica está se expandindo em alta velocidade. De acordo com o geofísico Dan  McGrath, da Agência Geológica dos Estados Unidos, a nova fissura se voltou para a face oceânica da plataforma, o que pode acelerar o processo de rompimento do iceberg. “Basicamente ela está fazendo uma curva acentuada rumo à frente em ruptura”, disse McGrath, usando um termo técnico para descrever o lado da plataforma de gelo voltado para o oceano. Para se ter uma ideia, o tamanho projetado do iceberg é mais de 300 mil vezes maior que o do iceberg de 125 metros que provocou o naufrágio do Titanic – o que faz dele um dos maiores já registrados no mundo.