Home > Política > Vittorio Medioli, eleito prefeito de Betim, inicia transição de governo

Vittorio Medioli, eleito prefeito de Betim, inicia transição de governo

O empresário e prefeito eleito de Betim para a administração de 2017-2020, Vittorio Medioli, protocolou neste mês o ofício referente a formação da sua equipe para a transição de governo.

Em nota, divulgada em sua página oficial, o prefeito eleito ressalta que um grupo será responsável pela mudança da atual administração para o seu governo. Segundo ele, será um processo importante para conhecer de perto as realidades da prefeitura. Enquanto isso, Medioli continuará a visitar os locais que precisam de ações emergenciais na cidade.

Ainda de acordo com a nota, o grupo é composto por 15 nomes, mas o texto ressalta que isso não se trata da nomeação do secretariado, pois no decorrer do tempo, esses membros serão incluídos ou substituídos. A coordenação das atividades será responsabilidade de Gilmar Mascarenhas, que foi secretário de Finanças, Planejamento e Gestão do município. Eles informaram ainda, que além dessa equipe, haverá uma subcomissão formada por 28 membros, que será gerida por Fabiane Quintela, que ajudará no desenvolvimento dos trabalhos.

Trâmites legais

A lei municipal de Betim 5.079 de 2010 permite que o candidato eleito tenha acesso as informações e documentos relativos a administração pública do município. No artigo 1º, em seu parágrafo único, a lei diz que constitui-se processo de transição o conjunto de procedimentos tendentes ao encerramento da gestão administrativa pelo prefeito em exercício e criação de condições para que o candidato eleito tenha acesso a dados e informações relativos à administração. Todas as informações devem ser fornecidas pelo atual governo no prazo de 5 dias.

A legislação também garante que o processo de mudança na administração possa ter início a partir do 5º dia útil após a divulgação do resultado oficial das eleições e pode se estender até 28 de fevereiro do ano seguinte.

A assessoria de Medioli foi procurada para falar sobre o andamento da atividades e em relação a questão econômica da cidade, mas até o fechamento da edição não recebemos retorno.

Eleições

Medioli venceu a disputa no primeiro turno com 61,64%, totalizando 119.750 votos. Além do PHS, ele já foi do PV e do PSDB. Ele já foi deputado federal por quatro mandatos, o último encerrou em 2006.

Ariane Braga
Apaixonada por animais, mercado econômico e educação. Tem 29 anos, graduou-se em jornalismo e cursou MBA em marketing na Unopar. Tem experiência de mais 8 anos na área de comunicação e marketing, com a elaboração de projetos, assessoria de imprensa, redação e edição de jornais e revistas, planejamento e monitoramento de mídias sociais, comunicação interna e fotografia.